"Não escolhemos vir ao mundo, mas temos o direito de escolher onde viver a eternidade."
22
jan2010

Como superar os maus pensamentos

18
out2009

Suicídio II

blog18102009

“Sua vida não tem valor”. “Ninguém se importa com você”. “Mate-se, e todo seu sofrimento vai acabar”. Será que pensamentos como estes têm sondado a sua mente, ao ponto de fazê-lo pensar que nunca mais viverá dias felizes?

Muitas pessoas, não conseguindo mais suportar a tristeza, a depressão e o vazio de suas almas, acabam chegando ao ápice do radicalismo, ao darem cabo de suas próprias vidas. Outras, levadas pelo desespero, quer pelo término de um relacionamento, ou devido a uma forte crise financeira, pensam seriamente em tirar suas vidas, como se esta opção fosse a única solução. A última porta a ser aberta.

No entanto, o que essa pessoa não sabe é que, acabando com a vida, acaba-se também com a única oportunidade que ela teria de verdadeira solução para o seu problema. Pois, é somente quando se está vivo, que a pessoa tem a chance de ser ajudada e ter sua vida transformada.

Eliminar algo finito e com prazo de validade, como é o caso do nosso corpo, não é pior do que ter algo eterno, como é a nossa alma, sendo levada ao pior de todos os sofrimentos: uma eternidade sem paz, literalmente.

Se o suicida raciocinasse, jamais pensaria em se matar. Isto porque seu poder de matar diz respeito apenas ao seu corpo e não a sua alma.

Se uma pessoa arrancasse sua língua, ficaria sem falar, mas continuaria vivendo; se lhe vazassem os olhos, ainda assim estaria vivo; se lhe arrancassem os braços e as pernas, mesmo assim sua vida continuaria, porque sua alma ocuparia o restante.

Isto é, o ser humano tem poder sobre o corpo físico, mas não sobre o espiritual. Ele pode fazer o que quiser com o seu corpo, mas com sua alma, nada pode fazer. Nem ao menos, tocá-la. É nisso que as pessoas, que pensam em se matar, deveriam refletir. Se elas acabassem com sua vida, isto é, com seu corpo físico, para onde iria sua alma, já que ela é imortal?

Será mesmo que os problemas do suicida afetam somente o seu corpo? E alma desta pessoa que quer se matar, aonde vai parar? Com toda sinceridade, não creio que vá para um lugar de remissão, descanso, ou de preparação para outra suposta vida.

Então, por que acabar com o corpo? Será que, acabando com a matéria, a alma ficará em paz?

Eu tenho uma sugestão: Se você pensa em suicídio; se estas palavras são o retrato do que você está vivendo neste momento, então, experimente fazer um pacto com Deus. Seja sincero para com Aquele que é o criador de toda a vida. Diga a Ele que, se de fato existe e é real, então, que mude sua história para a vida ou para a morte de uma vez!

Se houver sinceridade nesse pacto sua vida nunca mais será a mesma. Creia nisso, e você, sem sombra de dúvida, encontrará a paz que tanto almeja!

7
jan2009

Pensamentos Satânicos

Alguém desesperada confessou estar sendo invadida por pensamentos satânicos. Tamanha sua sujeira que não tinha nem coragem de detalhá-los.

Então, tive o privilégio de lhe ajudar com a minha experiência pessoal.

Logo no início da minha conversão, também fui atacado na mente por pensamentos relacionados a Deus e ao sexo. Nem há necessidade de detalhá-los porque dificilmente alguém, na fase de conversão, não tem passado pelas mesmas experiências.

Naquela oportunidade, por ser inexperiente na fé, aquilo me perturbou demais. Ao ponto de pensar estar pecando contra o Espírito Santo.

Sem entrar em detalhes falei com meu pastor sobre o assunto. Ele orou por mim e fiquei livre daquilo. Mas, há pouco mais de dois anos, os mesmos pensamentos começaram novamente a invadir minha mente.

Naquele exato momento, guiado pelo Espírito Santo, disse ao diabo: Preste atenção, satanás! A partir de agora, todas as vezes que você me trouxer esse lixo eu vou glorificar meu Senhor Jesus. Agi assim porque sei que ele odeia ver-nos adorar a Deus.

A partir daí fiquei livre, não só dos pensamentos ruins, mas como também do medo deles virem. Mesmo assim, ele ainda tentou duas vezes. Mas a cada tentativa, imediatamente reagia com louvores ao meu amado Senhor.

Pronto! Eles se foram.

Acredito que esse tipo de problema tem sido muito comum àqueles que estão próximos de nascerem de Deus.

Se você está vivenciando tal situação, não tenha medo nem se preocupe. Antes, glorifique a Deus a cada momento em que eles vierem. É sinal que você está no caminho certo.

Ser tentado não é pecado. Pecado é cair em tentação.

17
dez2008

Pensamentos Maus

O Espírito da sabedoria usa o intelecto, não os sentimentos do coração para decidir.

Quando há invasão na mente por maus pensamentos, há que se recorrer aos pensamentos de fé da Palavra de Deus e resistí-los imediatamente.

Satanás tem soprado pensamentos sujos além dos de dúvidas objetivando abalar a fé.

Os não nascidos do Espírito têm encontrado grande dificuldade para resistir. Pensam logo que estão em pecado ou pecando contra o Espírito Santo.

Lembre-se: ser tentado não é pecado. Pecado é cair em tentação.

Diante disso o cristão deve usar o louvor, por exemplo, como forma de resistência ao mau pensamento.

Deus tem suprido muitos argumentos sólidos e inquestionáveis na Sua Palavra para rechaçar o mal.

Mas de uma forma ou de outra a resistência se torna obrigatória. Afinal de contas está determinado que devemos resistir ao diabo para ele fugir de nós. ( Tiago 4.7 )

Só os pensamentos do Bem superam os do mal. Só os de Deus vencem os do diabo...

Não adianta tentar esquecer ou se distrair com outra coisa para vencer o mal. Há que se enfrentá-lo de frente com os pensamentos Divinos.

Por isso, a fé prática!

Sempre que for “visitado” por maus pensamentos, se puder, corra para o banheiro e faça dele um altar. Com certeza o Espírito Santo socorrerá imediatamente.

9
out2008

O bispo responde – Pensamentos de sexo

Pergunta:

Bispo, não consigo controlar minha carne como deveria. Não estou em prostituição mas as vezes me sinto como estivesse... É o que eu mais sofro, com a impureza dos meus pensamentos em relação ao sexo. Isso me deixa frustado.

Por favor, me dê um método com o Senhor Jesus para eu poder me controlar até eu ter alguem especial em minha vida.

Renato

Resposta:

A primeira coisa que se tem que a fazer é fugir da aparência do mal, pois quando você foge, Deus lhe dá força para vencer. Do ponto de vista humano, tudo coopera para que você pense em coisas pecaminosas. Você tem que, simplesmente, abolir da sua vida e ocupar seus pensamentos com as coisas de Deus. Quando vier um pensamento ruim, pense em coisas boas, lembre que o Espírito Santo o escolheu para ser templo d’Ele.

Eu também era muito visitado por pensamentos nojentos, diabólicos, mesmo sendo batizado com o Espírito Santo. Eu disse ao mal que todas as vezes que os pensamentos viessem, eu adoraria a Deus. Conforme vinha esses pensamentos, eu louvava a Jesus e já não pensava mais em coisas ruins. O fato é que o mal odeia que adoremos a Deus. Quando você usa esse argumento e pratica, você resiste ao mal e vence. Deus verá seu esforço e certamente vai corresponder a sua oração. Isso é importante porque a fé é algo que se pratica. Não basta só orar. Você tem que orar e ir à luta, agir a sua fé.

Que Deus lhe abençoe!

Palavra Amiga
Idiomas
Pesquise outros posts
Clique em curtir e seja um Fã no Facebook
Assine nossa newsletter!
Cadastre-se e receba diariamente todas as novidades do blog:
* obrigatório
Universal.org
Siga-me no Twitter
Canais Oficiais
Ganhe almas! Divulgue no seu site
 
Site do Templo
Orixás, Caboclos e Guias, Deuses ou Demônios?
arcacenter.com.br
Anúncios
www.bispomacedo.com.br - © Copyright 2014 - Blog do Bispo Edir Macedo