"Não escolhemos vir ao mundo, mas temos o direito de escolher onde viver a eternidade."
18
fev2013

Semeando



“Sobrevindo fome à terra, além da primeira havida nos dias de Abraão, foi Isaque a Gerar, avistar-se com Abimeleque, rei dos filisteus. Apareceu-lhe o SENHOR e disse: Não desças ao Egito. Fica na terra que eu te disser; habita nela, e serei contigo e te abençoarei...” Gênesis 26.1-3

Por causa da fome e extrema dificuldade, a intenção de Isaque era buscar sustento no Egito, já que era o lugar mais rico e fértil da terra naquela época, devido ao rio Nilo, quer dizer: facilidade.

Isaque havia pedido autorização ao rei Abimeleque para ficar em Gerar por algum tempo, porque estava convicto de que encontraria a solução no Egito. Porém, Deus lhe disse: "Fica nesta terra!"

Ainda que essa ordem fosse, aparentemente, a mais incoerente, só existe um lugar seguro e próspero, que se chama "VONTADE DE DEUS".

Ele obedeceu e semeou entre os inimigos e, no mesmo ano, colheu cento por um. Algo que humanamente falando é impossível, mas quando se usa a semente da obediência, os frutos são surpreendentes e abundantes.

Às vezes, buscamos as melhores condições para semear a Palavra de Deus – como rádio, televisão, jornal, um lugar menos violento e com menos miséria – pensando que ali o trabalho evangelístico florescerá. Contudo, se analisarmos o exemplo de Isaque, veremos que ele semeou onde havia miséria, violência, injustiça – tanto é que ele tinha medo de ser morto pelos homens daquele lugar por causa da beleza de sua esposa, e chegou a dizer que ela era sua irmã.

Não seria este o exemplo a seguir? Semear a Palavra de Deus na terra dos inimigos? Afinal, é onde o diabo mais tem atuado por meio de injustiças, violência, estupros, vícios, perseguições, miséria, etc.

Isso não quer dizer que a boa semente não deva ser plantada entre os ricos, porque entre eles o diabo também atua. Porém, de onde vêm as pessoas que mais se dedicam, convertidas, nascidas do Espírito Santo e que se entregam com sinceridade a Deus? Sem dúvida, dos lugares considerados a escória da sociedade; normalmente onde a assistência social, a educação, a segurança, a saúde e o saneamento básico não chegam.

“...pelo contrário, Deus escolheu as coisas loucas do mundo para envergonhar os sábios e escolheu as coisas fracas do mundo para envergonhar as fortes; e Deus escolheu as coisas humildes do mundo, e as desprezadas, e aquelas que não são, para reduzir a nada as que são.” 1 Coríntios 1.27-28

Se aqueles que se dizem servos e servas de Deus estivessem mais preocupados em semear a boa semente na terra do inimigo, o diabo não estaria semeando o joio no meio do trigo, e não teríamos, dentro das igrejas, tanto ciúme, fofoca, inveja, discórdia, maus olhos e carnalidade.

“…prega a palavra, insta, quer seja oportuno, quer não...” 2 Timóteo 4.2


Palavra Amiga
Idiomas
Pesquise outros posts
Clique em curtir e seja um Fã no Facebook
Assine nossa newsletter!
Cadastre-se e receba diariamente todas as novidades do blog:
* obrigatório
Universal.org
Siga-me no Twitter
Canais Oficiais
Ganhe almas! Divulgue no seu site
 
O pão nosso para 365 dias
arcacenter.com.br
Site do Templo
Anúncios
www.bispomacedo.com.br - © Copyright 2014 - Blog do Bispo Edir Macedo